Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies


Notícias

Método de produção de nanopartículas de diamante é desenvolvido por grupo do Instituto.

terça-feira, 20 de março de 2018 16:09

Um novo método para produzir nanopartículas de diamante foi desenvolvido pelo grupo DIMARE (Diamante e Materiais Relacionados) do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais).  O DIMARE é um dos laboratórios associados ao Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies.

O interesse pelas nanopartículas de diamante vem crescendo na área das pesquisas médicas e biológicas, principalmente nos estudos sobre entrega de fármacos (drug delivery). De fato, as nanopartículas de diamante, totalmente formadas por átomos de carbono, aparecem como promissora alternativa às nanopartículas metálicas, as quais apresentam toxicidade.

O método desenvolvido pelo DIMARE, que está em fase de testes, parte de um filme fino de diamante CVD (diamante sintético que possui as mesmas propriedades físicas e químicas que o natural), obtido, por exemplo, a partir da técnica HFCVD (hot filament chemical vapor deposition). De acordo com o pesquisador Vladimir Trava-Airoldi, coordenador do DIMARE, os resultados iniciais são muito promissores. "Obteve-se uma distribuição de tamanho nanométrico bastante estreita", diz Trava-Airoldi.

Uma série de trabalhos acadêmicos (de doutorado e pós-doutorado) está sendo desenvolvida com essas nanopartículas de diamante pelo grupo DIMARE e seus colaboradores.

Fonte: Gerência de comunicação do Instituto Nacional de Engenharia de Superficies

Galeria de imagens

Palavras-chave: diamante, diamante CVD, diamante sintético, DIMARE, drug delivery, entrega de fármacos, HFCVD, inpe, Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies, nanopartículas

Adicione aos seus favoritos e compartihle


Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies O Instituto, Serviços, Faça Parte, Fale Conosco

Engenharia de Superfícies Notícias, Artigos e Patentes, Midiateca, Eventos, Blog

Creative Commons License Conteúdo licenciado pelo Creative Commons

O Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies é um dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs) do CNPq

Apoio

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

O Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies, um dos INCTs do CNPq, reúne e articula em nível nacional os melhores recursos humanos e de infraestrutura em engenharia de superfícies. O instituto propõe uma estreita colaboração entre grupos de pesquisa e sistemas produtivos a serviço do crescimento sustentável do Brasil pela via da inovação tecnológica.

Desenvolvido por TUA Tecnologia