Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies


Notícias

149 trabalhos de engenharia de superfícies no simpósio E da SBPMat.

quarta-feira, 3 de outubro de 2012 13:47

A palestra convidada foi sobre corrosão de superfícies tratadas a plasma em contato com bioetanol.

A palestra convidada foi sobre corrosão de superfícies tratadas a plasma em contato com bioetanol.

O simpósio E do XI Encontro da SBPMat, dedicado à engenharia de superfícies e organizado pelo coordenador de nosso Instituto, professor Fernando Lázaro Freire Junior (PUC-Rio), contou com 23 apresentações orais e 126 pôsteres.

De acordo com os professores que mediaram as sessões (Carlos Figueroa e Israel Baumvol, ambos do PGMAT da UCS) os temas mais abordados nos trabalhos do simpósio foram o processamento a plasma da superfície de aços, o comportamento mecânico e tribológico dessas superfícies processadas e o tratamento a plasma de polímeros para funcionalização de sua superfície, visando, por exemplo, obter superhidrofobicidade. "Os temas que foram tratados no simpósio são de interesse internacional", diz Figueroa.

Tiveram trabalhos aceitos no simpósio autores das cinco regiões do Brasil, ligados principalmente a universidades e instituições de pesquisa, mas também a algumas empresas. O estado mais representado foi o de São Paulo, seguido de Santa Catarina e Paraná. Do exterior, houve trabalhos com participação de autores da Alemanha, Argentina, Chile, Chipre, Cuba, Espanha, Estados Unidos, França, Hungria, Portugal e Turquia.

Sobre a qualidade dos trabalhos, Baumvol mencionou que ela vem melhorando ano a ano e destacou, em particular, a qualidade dos trabalhos de pesquisadores da França. O simpósio de engenharia de superfícies é organizado pelo Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies dentro dos encontros da SBPMat desde o ano de 2009.

A palestra convidada do simpósio foi proferida pelo prof. Figueroa e se referiu a um trabalho desenvolvido no contexto do Instituto durante o mestrado de Rosiana Boniatti, defendido no PGMAT da UCS. O trabalho investigou a resistência à corrosão de superfícies de aço modificadas a plasma em contato com bioetanol. "Apesar da importância dos biocombustíveis na matriz energética atual e do uso difundido de tratamentos a plasma para melhorar o desempenho de peças de motores de automóveis, não encontramos na bibliografia estudos que mostrassem como essas superfícies modificadas a plasma se comportam do ponto de vista da corrosão quando estão imersas em bioetanol combustível", explica Figueroa.

Veja a lista completa dos trabalhos e os resumos em PDF aqui:

http://www.sbpmat.org.br/11encontro_anais/busca-por-area/ (opção "E - Surface Engineering: protective coatings and modified surfaces")

Fonte: Gerência de Comunicação do Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies

Palavras-chave: 2012, engenharia de superfície, engenharia de superfícies, Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies, sbpmat, simpósio

Adicione aos seus favoritos e compartihle


Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies O Instituto, Serviços, Faça Parte, Fale Conosco

Engenharia de Superfícies Notícias, Artigos e Patentes, Midiateca, Eventos, Blog

Creative Commons License Conteúdo licenciado pelo Creative Commons

O Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies é um dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs) do CNPq

Apoio

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

O Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies, um dos INCTs do CNPq, reúne e articula em nível nacional os melhores recursos humanos e de infraestrutura em engenharia de superfícies. O instituto propõe uma estreita colaboração entre grupos de pesquisa e sistemas produtivos a serviço do crescimento sustentável do Brasil pela via da inovação tecnológica.

Desenvolvido por TUA Tecnologia